Odemir Moreira comenta dificuldades enfrentadas pelos municípios

18/10/2017

 

 

Prefeito de Goiandira também destacou estratégias para driblar a crise econômica e garantir recursos

 

 

 

Em entrevista ao Portal Serra Dourada News, o prefeito de Goiandira (GO), Odemir Moreira de Melo falou das dificuldades enfrentadas pelos municípios brasileiros e que a gestão tem realizado um papel fundamental, garantindo que os pagamentos sejam feitos em dia e os investimentos prossigam no município.

 

No décimo mês do terceiro mandato, Odemir Moreira disse que em toda sua trajetória política, nunca foi tão difícil conciliar receitas com despesas. “Nunca foi tão difícil, até não fiz a colocação principal, no mandato passado nos quitávamos à folha dia 22, estamos quitando dia 30 e ainda fica obrigação com o IFM, inverteu tudo, nos que pagávamos antecipado estamos pagando atrasado, infelizmente pela queda na arrecadação enfrentada pelo país. Estamos com grande sacrifício. ”, disse.

 

O prefeito disse que aguarda repasse de 1% do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), e que a Confederação Nacional dos Municípios (CNM) luta para liberar o auxílio junto ao Governo Federal de R$ 4 bilhões para distribuição entre os municípios brasileiros. “Estamos movimentando nossa bancada de deputados para trabalhar para que ele possa atender os municípios para que eles saiam da situação de verdadeira calamidade financeira, muito município não tem conseguido, mas nossa experiência tem nos ajudado muito, estamos priorizando o que tem que ser realmente feito e buscando incrementos para ver se consegue equilibrar as contas”, encara Odemir.

 

Odemir também falou dos gastos fixos que comprometem a renda do município e não mais dão retorno financeiro. “Estamos pagando integralmente os R$ 40 mil, R$ 32.500 mil de iluminação e R$ 5.500 de iluminação dos prédios, não tem mais aquele retorno, hoje a CELG não é mais uma estatal. Hoje nós pagamos iluminação pública integralmente”.

 

Sobre a conclusão das casas populares, o prefeito disse que toda obra tem contrapartida do município e que há dificuldades neste sentido. “Como essas casas, para colocar mão de obra, temos três pedreiros, um está no presidio, não temos gente suficiente e não podemos contratar, se fizermos estaremos firmando um compromisso que não podemos cumprir”.

 

Mesmo com as dificuldades na receita municipal, Odemir garantiu que por meio de emendas e parcerias a Prefeitura conseguirá entregar obras ainda este ano, como a Academia de Saúde, Centro de Convivência, Pavimentação Asfáltica. “Nós tivemos que fazer uma readequação no projeto e estamos licitando novamente um parque temático para concluir essa obra até o final do ano. Temos R$ 1 milhão do ‘Goiás na Frente’, destinando R$ 450 mil para o recapeamento, R$ 150 mil para asfalto na comunidade do Veríssimo, R$ 150 mil para construção de uma pista de caminhada iluminada e mais uma emenda de R$ 500 mil para asfaltamento do Residencial Maria Angélica”, listou o prefeito.

 

Durante a entrevista, Odemir também falou de emenda encaminhada pelo deputado estadual Gustavo Sebba (PSDB-GO) para área de Saúde no valor de R$ 100 mil reais para aquisição de um Raio-X.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Please reload

O conteúdo do sdnews é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

  • Facebook - Grey Circle
  • Twitter - Grey Circle
  • Google+ - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle

© 2017 "SDNEWS.COM.BR".  Liderança Bureal de Criação 'André Martins '